Esportes

Düsseldorf inova com exibição de atletas do salto com vara em drive-in

Nestes novos tempos de pandemia do novo coronavírus (covid-19), a presença de público tem sido um desafio para os organizadores de espetáculos esportivos. Na Alemanhã, o evento de salto com vara intitulado Flight Night Dusseldorf (Noite de Vôo) na cidade de Dusseldorf (Alemanha), marcado para 12 de junho, promete inovar para conciliar espectadores e atletas em um mesmo lugar de competição. Aquele que quiser a ssistir à disputa de perto poderá comprar o ingresso pela internet e acompanhar de seu carro, no cinema Autokino Dusselford, que tem formato drive-in. Será o primeiro campeonato com torcedores no país após as medidas de isolamento social impostas pelo Governo Alemão, devido à pandemia da covid-19.

“Ao realizar um salto com vara no cinema drive-in, podemos saciar a sede de um evento esportivo de primeira classe na frente de uma plateia e, ao mesmo tempo, garantir a conformidade com as regras de isolamento. Quando os atletas decolam no centro das atenções no final da noite, torna-se um evento espetacular para os espectadores que nunca havia sido visto antes”, disse o diretor do evento Lars Wismer, diretor do evento, à  Associação Europeia de Atletismo (European Athletics).

Os fãs do esporte terão a opção de assistir ao vivo, ou por um telão, além de poderem escutar as informações sobre o evento em uma frequência de rádio, dentro dos próprios veículos.Os bilhetes de acesso vão custar 22 euros (aproximadamente R$ 134) para duas pessoas, com a possibilidade da ocupação do banco traseiro mediante a um custo adicional de cinco euros (R$ 31 reais) cada.

A organização da competição garante que todas as medidas de segurança sanitária serão tomadas para reduzir o risco do contágio da covid-19. Os espectadores em seus veículos deverão respeitar a distância mínima de 1,5 metro de um carro para o outro. As janelas e portas dos carros terão de permanecerem fechadss durante todo o tempo.

O evento vai contar com os principais saltadores do país, Raphael Holzdeppe, campeão mundial em 2013, Bo Kanda Lita Baehre, quarto lugar no Mundial de 2019, e Torben Blech, medalhista de prata na Universíade 2019.

“Estou ansioso pelo primeiro confronto após o bloqueio. A atmosfera competitiva, pela qual o público de Düsseldorf é conhecido. Tenho certeza de que este evento também será um verdadeiro destaque devido ao locaspecial. Acho que jamais um saltador de vara pulou em um cinema drive-in”, pontuou o atleta Lita Baehre à European Athletics.

To Top
%d blogueiros gostam disto: