Nitro News Brasil

Noticias e informações sobre saúde COVID-19,coronavírus, Futebol e muito mais

Vídeo: Primeiro Gre-Nal entre Grêmio e Inter pela Libertadores em confusão e 8 expulsões

Anúncios

Com quatro cartões vermelhos para cada lado, mais uma vez a rivalidade extrapolou a esportividade

Não poderia ser diferente. O primeiro Gre-Nal da história da Libertadores teve muito sangue nos olhos, quase que literalmente. Com um empate sem gols, a partida terminou com uma cena de filme de ação.

Tapas, socos, empurrões e tudo o que uma briga entre rivais máximos poderia ter ofuscaram o futebol na noite desta quinta-feira. A pancadaria terminou com o juiz expulsando oito jogadores, quatro de cada lado, inclusive com o envolvimento de reservas, que invadiram o campo e participaram da cena.

Momento da briga entre os jogadores do Grêmio e Inter:


Rivais ficam no 0 a 0 em clássico disputado na Arena do Grêmio

Nenhum gol, oito cartões vermelhos e muita confusão, com direito a briga generalizada. Assim foi o primeiro clássico disputado entre Grêmio e Internacional por uma Libertadores. Com o 0 a 0 no Gre-Nal disputado na Arena do Grêmio, os dois times dividem a liderança do Grupo E, com quatro pontos. Nesta quinta, a Conmebol decidiu adiar a rodada da próxima semana da competição, devido à pandemia de coronavírus.

Com a bola rolando, o jogo foi equilibrado. O Grêmio teve boas chances, mas parou em boas defesas de Marcelo Lomba. O Inter acertou a trave em duas oportunidades, com Edenílson e Boschilia.

A confusão começou aos 40 minutos do segundo tempo, quando Moisés e Pepê começaram a discutir após dividida forte. Empurrões foram trocados de lado a lado, muitos xingamentos, e o árbitro argentino Fernando Rapalini mostrou cartões vermelhos para Pepê e Luciano, do Grêmio, e Moisés e Edenílson, do Inter.

Os ânimos não serenaram, e a briga aumentou, tornando-se generalizada. Após muitos minutos, o árbitro expulsou Caio Henrique, do Grêmio, e Victor Cuesta, do Inter. Mostrou ainda o vermelho para dois jogadores que estavam no banco: Paulo Miranda, do Grêmio, e Praxedes, do Inter.

O jogo recomeçou e o tricolor ainda teve uma grande chance em chute de Lucas Silva, que acertou o travessão após desvio de Lomba.

Fonte: Veja SP

 

Anúncios