Brasil tem 27,7 milhões de trabalhadores mal aproveitados

49 visualizações
Taxa de subutilizados é a maior da série histórica

Taxa de subutilizados é a maior da série histórica
Paulo Whitaker/Reuters – 09.01.2018

O Brasil tem 27,7 milhões de pessoas mal aproveitadas no mercado de trabalho, segundo a Pnad Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua Trimestral) divulgada na manhã desta quinta-feira (17) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). 

O número representa 24,7% do mercado do trabalho e é a maior taxa de subutilização da série história da Pnad, iniciada em 2012. 

Segundo o IBGE, a taxa considera trabalhadores desocupados, suocupados por insuficiência de horas e força de trabalho potencial.

Aproveitamento de trabalhadores por regiões

A Bahia é o Estado que apresenta a maior taxa de trabalhadores mal utilizados: 40,5%. Em seguida, aparecem Piauí (39,7%), Alagoas (38,2%) e Maranhão (37,4%). 

Em contrapartida, os Estados com menores taxas de subutilização são Santa Catarina (10,8%), Rio Grande do Sul (15,5%), Mato Grosso (16,0%) e Paraná (17,6%). 

 

 

Recomendados para você  Controle chinês da oferta de cobalto é um risco à indústria de carros, diz Glencore

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: