Campeonato Brasileiro

Vina e sistema defensivo brilham, Ceará vence Flamengo e sobe na tabela

Vina, com duas assistências precisas, foi um dos principais destaques do ótimo resultado conseguido pelo Alvinegro no Castelão

Jogadores do Ceará comemoram um dos gols da equipe na vitória sobre o Flamengo (Foto:Fabio Lima/O POVO) (Foto: Fabio Lima)

Em grande estilo o Ceará voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. Neste domingo, no Castelão, superou o Flamengo por 2 a 0 e assim atingiu os 13 pontos na tabela, assumindo a nona colocação. Vina, com duas assistências precisas, foi um dos principais destaques do ótimo resultado conseguido pelo Alvinegro, que viu os gols serem marcados por Luiz Otávio e Charles, ambos na segunda etapa. O sistema defensivo do time  – com participação de todos os atletas que entraram em campo – foi muito bem e organizado, responsável direto pelo controle da partida e a soma dos três pontos.

No primeiro tempo, o Ceará não conseguiu agredir o Flamengo com qualidade.  Sem criatividade ofensiva – Leandro Carvalho, Cleber e Vina estiveram discretos – o time facilitou a marcação do adversário, tanto que o goleiro César não teve nenhum trabalho relevante nas quatro finalizações da equipe.

Já em relação ao sistema defensivo, o Alvinegro esteve bem, conseguindo impedir as principais jogadas de ataque do Flamengo, que teve duas boas oportunidades, ambas desperdiçadas por Gabigol com finalizações para fora. A primeira aos 11 minutos (cabeçada na entrada da pequena área) e a segunda aos 14 minutos (finalização de pé direito). O clube do Rio de Janeiro terminou a primeira etapa com oito finalizações, mas Fernando Prass também não trabalhou.

O segundo tempo foi bastante diferente e começou com o Ceará marcando bem a saída de bola do Flamengo, tanto que logo aos quatro minutos a equipe de Guto Ferreira abriu o placar, em bonito gol de cabeça de Luiz Otávio após cobrança de escanteio de Vina. Confiante, o Alvinegro ampliou logo depois, aos 11 minutos, gol marcado por Charles após outro ótimo passe, mais uma vez, de Vina, que atingiu a impressionante marca de 10 assistências na temporada (além dos nove gols que anotou).

A essa altura do jogo, o técnico do Flamengo, Domenec Torrent, já tinha colocado Pedro na vaga de Michael, mas a transição da equipe seguia lenta e o sistema defensivo do Ceará muito bem postado, impedindo quaisquer ações importantes contra a meta defendida por Fernando Prass. Apenas cruzamentos para a área faziam parte do repertório do atual campeão brasileiro.

O jogo seguida confortável para o Ceará e Guto Ferreira optou por sacar Vina e colocar Lima, aos 25 minutos. Pouco tempo depois foi a vez de Leandro Carvalho dar seu lugar a Mateus Gonçalves. Precisando tentar diminuir o placar, o Flamengo – já com Lincoln, Matheuzinho e Diego em campo – tinha mais a bola e tentava de todas as maneiras furar as linhas defensivas do Alvinegro, mas sem sucesso efetivo. Nas poucas vezes que conseguia levar algum perigo, encontrava Fernando Prass atento.

Na próxima quarta-feira, em Santa Catarina, o Ceará encara o Brusque, jogo de ida da Copa do Brasil em sua quarta fase. O Flamengo encara o Independiente Del Valle, pela Libertadores, na quinta-feira, fora de casa.

Fonte: O Povo

 

Click to comment

Deixe uma resposta

To Top
%d blogueiros gostam disto: