Campeonato Brasileiro

Em jogo com polêmicas, Fortaleza empata com Grêmio em Porto Alegre/RS

O Leão até abriu o placar, mas foi vazado em cobrança de pênalti neste domingo (13)

Osvaldo marcou o primeiro jogo no Brasileirão contra o Grêmio na Série A Foto: divulgação / Fortaleza

Na Arena do Grêmio, o Fortaleza empatou com os gaúchos em 1 a 1 neste domingo (13). O duelo foi válido pela 10ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O gol tricolor foi de Osvaldo, enquanto os donos da casa deixaram tudo igual em cobrança de pênalti de Diego Souza no segundo tempo – o atacante perdeu a primeira cobrança, convertida por Luiz Fernando, mas o árbitro de vídeo (VAR) mandou voltar para nova batida do centroavante.

O resultado deixa o Leão com 12 pontos, ocupando a 9ª posição. O próximo compromisso é contra o Internacional, sábado (19), às 19h, na Arena Castelão.

O Grêmio segue em 10º colocado, com 12. O time encara o Palmeiras, doimingo (20), às 16h, em Porto Alegre.

O jogo

O Fortaleza iniciou a partida cedendo campo no esquema 4-2-4 para sair no contra-ataque. Com o Grêmio administrando mais a posse, o Leão ficou postado com linhas compactas e tentou manter o ataque gaúcho longe de Felipe Alves.

Na estratégia reativa, o time tricolor acelerou a transição e levou perigo aos 2. Osvaldo venceu Geromel na velocidade e chutou cruzado para defesa de Vanderlei. A proposta surtiu efeito aos 16, quando o atacante cruzou com efeito da esquerda. A bola atravessou a grande área e foi parar nas redes: 1 a 0.

Atrás no placar, o time de Renato Gaúcho se lançou ao ataque e até pressionou o Fortaleza, mas teve dificuldade na criação. A melhor chance veio em finalização de Alisson defendida pelo arqueiro leonino.

Na volta do intervalo, o primeiro lance foi marcado por pênalti contra o Fortaleza. Quintero encosta as mãos nas costas de Everton, que desaba. O árbitro entendeu como penalidade e marca. Na primeira batida, Felipe Alves defende chute de Diego Souza, e Luiz Fernando aproveita para marcar.

O árbitro de vídeo (VAR) manda voltar a cobrança por invasão de Luiz Fernando, que é atleta do Grêmio. Em nova batida, Diego Souza consegue converter em 1 a 1. Com placar igual, o duelo ficou truncado no meio-campo.

Aos 23, uma confusão deixou cada time com 10. Luiz Fernando e Gabriel Dias se desenteram em dívida de bola e foram expulsos. Ceni mandou a campo Derley e Marlon para reforçar a defesa e conseguiu segurar o placar no fim.

Fonte: Diário do Nordeste

 

Click to comment

Deixe uma resposta

To Top
%d blogueiros gostam disto: