ter. jun 18th, 2019

Homem diz ser confundido com policial e é assaltado e sequestrado

Grupo de oito homens foi preso suspeito de sequestrar e agredir homem

Grupo de oito homens foi preso suspeito de sequestrar e agredir homem
Divulgação PM-SP

Uma grupo, formado por oito homens, foi preso suspeito de sequestrar e agredir um homem, na avenida Marginal Tietê, na pista local, sentido Rodovia Ayrton Senna, embaixo da Ponte Aricanduva, na madrugada desta quinta-feira (21).

Leia mais: Homem é preso por cárcere privado e sequestro da ex-mulher

De acordo com o Tenente Bueno, do 2º Batalhão de Polícia de Trânsito, a prisão foi realizada após uma abordagem rotineira na Operação Direção Segura. Após abordar um veículo, modelo Scort, de cor vemelho, ocupado por cinco passageiros, um segundo veículo, modelo Toyota Corolla, de cor preto, que vinha logo atrás também foi obrigado a parar.

Leia mais: Prefeitura interdita viaduto que liga marginal Tietê até a Dutra

No carro, estavam quatro passageiros, sendo o motorista de um aplicativo, que a polícia acredita também fazer parte do grupo, mais dois suspeitos e a vítima. No momento, a vítima, que estava amarrada e muito machucada, no banco de trás, começou a gritar por socorro. Em seguida, todos os suspeitos tentaram fugir e acabaram sendo presos pela polícia.

Ao ser questionado, o homem informou aos policiais de que desceu de um ônibus e estava a pé quando foi abordado pelos suspeitos. Eles levaram a carteira, dois celulares, R$ 2 mil em dinheiro e uma jaqueta de couro. A vítima contou que o confundiram com um policial e que ele seria morto.

Leia mais: Rompimento de rede de esgoto interdita pista da Marginal Tietê

O homem disse que chegou a trabalhar de segurança, que já usou farda policial, mas que nunca foi um agente. Os criminosos não acreditaram. Primeiro o levaram para a Cracolândia, onde foi ameaçado e agredido. Depois o mantiveram  em um cativeiro, desde às 19h. E depois seria levado para uma comunidade, no Parque Novo Mundo, onde seria morto.

A polícia apreendeu os dois veículos, e os suspeitos foram presos em flagrante. Com os criminosos, a polícia apreendeu todos os pertences da vítima, mas nenhuma arma foi encontrada. Os homens já tinham diversas passagens pela polícia, como roubo e tráfico de drogas.

A ocorrência foi encaminhada ao 10º DP (Penha), onde o caso será registrado.

%d blogueiros gostam disto: