Rainha absoluta, Sabrina Sato brilha em desfile da Gaviões em SP

É a 1ª vez da apresentadora Sabrina Sato na avenida após o nascimento de sua filha, Zoe. Na Gaviões desde 2004, ela assumiu neste ano o posto de rainha.

Sabrina Sato vestiu sua fantasia para desfilar, pela primeira vez, como rainha de bateria da Gaviões da Fiel, na madrugada deste domingo (3).

Este slideshow necessita de JavaScript.

É também a primeira vez da apresentadora na avenida após dar à luz a filha, Zoe, no final de novembro do ano passado.

“A Zoe me deixou ainda mais emocionada. Estou homenageando todas as mães”, disse, na concentração do desfile, em entrevista à TV Globo.

Antes de seguir para o Sambódromo, Sabrina contou como foi vestir a fantasia após dar à luz. “O mais difícil agora foi tirar o leite e colocar a fantasia porque ficou saindo, e eu tinha de colocar a roupa”

A apresentadora causou alvoroço na saída do hotel na região do Anhembi. Durante o percurso, parou várias vezes para posar para fotos.

Ela pediu cuidado por causa da fantasia: “Gente, isso pode machucar”,avisou, mostrando as unhas enormes. “[A roupa] é confortável mais ou menos, né? A cabeça já está doendo, sempre dói.”

Embora comportado, o traje não é o mais composto de sua trajetória no carnaval, segundo ela. Não vim assim porque fui mãe, mas porque o tema do Oriente pedia.”

Estreia como rainha

Sabrina está na escola desde 2004, mas até o ano passado ocupava o posto de madrinha. Ela envolveu de 15 a 20 pessoas na logística para estrear como rainha. Normalmente, uma musa do carnaval não envolve mais do que 5 pessoas para se preparar para o desfile.

A equipe da apresentadora conta com maquiador, cabeleireiro, stylist, fotógrafo, três profissionais de seu canal no YouTube, assistentes, assessores, três pessoas do escritório de agenciamento, além da família.

A equipe da apresentadora conta com maquiador, cabeleireiro, stylist, fotógrafo, três profissionais de seu canal no YouTube, assistentes, assessores, três pessoas do escritório de agenciamento, além da família.

A Gaviões vai reeditar um samba de 1994, com o enredo “A saliva do santo e o veneno da serpente”, que conta a história, lendas, benefícios e malefícios do tabaco.

O carnavalesco Raul Diniz foi o autor do tema original e vive há quase dez anos na Espanha como artista plástico. Para o desfile de 2019, Sidnei França desenvolveu o samba.

Fonte: G1

Deixe uma resposta