Chacina em bairro da zona norte de São Paulo deixa três mortos

Chacina ocorreu na rua Professor Pereira Reis, na zona norte de São Paulo

Chacina ocorreu na rua Professor Pereira Reis, na zona norte de São Paulo
Reprodução Google Maps

Três homens morreram após serem baleados na rua Professor Pereira Reis, no bairro Jaçanã, zona norte de São Paulo. A chacina ocorreu por volta de 19h do último sábado (29) e é o oitavo ataque somente neste ano.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, policiais militares foram acionados para atenderem uma ocorrência de disparo de arma de fogo e, no local, encontraram as vítimas com sinais de violência.

O resgate e o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foram acionados e constataram as mortes de Jeferson Martinez Gimenez, 35, Eder Franco de Lima, 34, e Carlos Alberto de Queiroz, 39, ainda no local dos fatos.

Desconhecidos que ocupavam um carro modelo Honda Fit desembarcaram no local e atiraram contra as vítimas, segundo populares. Os suspeitos fugiram em seguida.

A área foi periciada e diversas cápsulas deflagradas foram apreendidas. A ocorrência foi registrada como homicídio no 73º DP (Jaçanã) e foi solicitado o assessoramento do DHPP (Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa).

Histórico dos ataques

Este é o 8º ataque na capital e região metropolitana em 2018, que totalizam 27 mortes.

— O último caso ocorreu em 16 de abril, no bairro Montanhão, em São Bernardo do Campo: quatro jovens foram executados a tiros na cabeça enquanto estavam ajoelhados frente a uma lanchonete. Segundo as investigações do caso, as vítimas tinham envolvimento com drogas.

— No dia 26 de março, três homens foram encontrados mortos amordaçados e amarrados dentro de uma loja de locação de ferramentas na rua do Grito, no Ipiranga, na zona sul de São Paulo. A principal hipótese para os assassinatos é de vingança pessoal, uma vez que o dono da loja vinha recebendo ameaças de um cliente que teve o nome protestado por uma dívida.

Três homens foram executados na madrugada do dia 28 de fevereiro, no Jardim América, em Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo. O local do crime é uma praça, que fixa próxima a uma escola, onde foram encontrados dois dos três mortos. Do outro lado da praça, a uma distância de 50 metros, estava o outro corpo.

— Dias antes, três pessoas morreram em um ataque na praça Jequié, no Jardim Maracanã, na zona norte da capital paulista, no dia 10 de fevereiro. Os três homens, Deivid Vinicius Barros, Luiz Gustavo de Oliveira e Leonardo Garcia Svessia, todos com 20 anos, estavam na praça quando um carro de cor preta parou e atirou contra eles.

— Uma chacina deixou três mortos em Guarulhos, no dia 11 de janeiro. O caso aconteceu na rua Pernambuco, no bairro Mato da Cobras. As vítimas foram alvejadas com disparos de arma de fogo na cabeça em frente a um bar.

— A primeira chacina do ano ocorreu no dia 7 de janeiro, quando quatro jovens morreram após um ataque a tiros na Vila Miriam, região de Pirituba, na zona norte de São Paulo. Duas vítimas morreram no local e outras duas chegaram a ser socorridas, mas não resistiram. Segundo a Polícia Militar, um carro passou no local com um homem atirando contra as pessoas que estavam na rua.

%d blogueiros gostam disto:
Advertisment ad adsense adlogger