Cissa Guimarães (Foto: Globo/João Cotta)
Cissa Guimarães é apresentadora da Globo (Foto: Globo/João Cotta)

Integrante do Vídeo Show durante quinze anos, a apresentadora e atriz Cissa Guimarães conversou com a reportagem do programa TV Fama e admitiu que sente saudades da atração, além de ter avaliado as novas apresentadoras da atração vespertina da TV Globo.

Record tentou se vingar de Edu Guedes, mas “tiro saiu pela culatra”

“Sempre saudade de um tempo maravilhoso, um trabalho tão gratificante… o Vídeo Show faz parte, está na minha corrente sanguínea”, revelou, que errou o nome do É de Casa o chamando pelo nome do antigo programa ao vivo. Sobre as ex-BBBs no comando do vespertino, ela também palpitou.

Ana Clara, Fernanda Keulla e Vivian Amorim não vivem bom momento no Vídeo Show. (Foto: Reprodução)
Ana Clara, Fernanda Keulla e Vivian Amorim no Vídeo Show. (Foto: Reprodução)

“Eu te confesso que eu não vi várias vezes. Eu acho que tudo no seu lugar, tudo muito possível.. acho que tem que manter a boa qualidade . O Vídeo Show por ele mesmo é um programa que é tão simpático ao público, que as tentativas são sempre válidas. Sou a favor da dinâmica. “Sempre saudade de um tempo maravilhosa, um trabalho tão gratificante… o Vídeo Show faz parte, está na minha corrente sanguínea”, disse.

RAFAEL CORTEZ EXPLICA FRACASSO DO VÍDEO SHOW

Como se sabe, o Vídeo Show anda numa situação crítica no que se refere aos índices de audiência. Porém, segundo Rafael Cortez, o programa vai se restabelecer e garantiu que a atual crise de audiência desde que estreou o novo formato de apresentação vai passar.

Em conversa com o UOL, ele explicou que já foi duramente atacado quando substituiu Monica Iozzi. “Fui muito criticado no começo porque estava substituindo de alguma forma a Monica Iozzi, que foi uma hecatombe. Mas quando ela entrou, ninguém lembra, foi: ‘O que essa idiota está fazendo aí?’, ‘Volta, André Marques’, ‘Cadê a Ana Furtado?’. É sempre assim: quem pega o posto apanha até rolar uma compreensão do público. Tem que aguentar o tranco. Toda mudança provoca uma porrada”, afirmou.