Explosão perto da embaixada dos EUA na China deixa suspeito ferido

Agente de segurança perto da embaixada dos EUA em Pequim

Agente de segurança perto da embaixada dos EUA em Pequim
REUTERS/Damir Sagolj/26.07.2018

Uma bomba explodiu do lado de fora da embaixada dos Estados Unidos em Pequim nesta quinta-feira (26), ferindo o agressor, informou a embaixada em comunicado, mas a polícia disse que o dispositivo utilizado era apenas “fogos de artifício”.

A explosão aconteceu na rua da esquina sudeste do complexo diplomático, segundo a embaixada. A polícia de Pequim disse que o suspeito, um homem de 26 anos da região chinesa da Mongólia Interior, havia machucado sua mão e sido levado a um hospital.

A polícia não divulgou o motivo do ataque.

China e Estados Unidos têm estado envolvidos em um crescente disputa comercial iniciada por Washington depois que os dois países impuseram tarifas sobre 34 bilhões de dólares em produtos um do outro, com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçando impor tarifas punitivas contra todas as importações chinesas.

%d blogueiros gostam disto: