Browse By

Top 10 melhores jogadores brasileiros de todos os tempos

O futebol é o “jogo bonito” por muitas razões. Se alguém fosse fazer uma lista dos aspectos que o futebol supera outros esportes, a lista seria sem fim. Desde o início da FIFA, o mundo se deparou com momentos de prazer puro e momentos de angústia, graças a este esporte.
O Brasil tem sido a razão por trás da maior parte da beleza neste jogo. Apesar de ter enfrentado tempos difíceis recentemente, o Brasil ainda comanda muitos fãs pelo mundo inteiro, por causa dos jogadores que produziu ao longo dos tempos. Nesta seleção estão em destaque os 10 melhores jogadores brasileiros de todos os tempos.
10°

Jairzinho


Jairzinho aterrorizou os defensores, durante o apogeu da seleção brasileira em 1970. A lendária seleção brasileira dominante que jogou na Copa do Mundo de 1970 é considerada por muitos como a maior equipe internacional de futebol a agraciar o jogo. Ele é um dos maiores artilheiros de todas as Copas do Mundo.

Ronaldinho


Para muitos, o período de 2005-2008 foi o período em que Ronaldinho era o rei do futebol. Como um dos melhores dribladores que o mundo já viu, não havia nada que ele pudesse fazer errado no campo de futebol. Suas performances pelo Barcelona durante aquele tempo é matéria de folclore brasileiro, e ele teve o mundo aos seus pés com seu controle de bola hipnotizante e habilidade de driblar. Ronaldinho saltou para os focos durante a Copa do Mundo de 2002, que o Brasil venceu de forma enfática.

Rivelino


Rivelino foi o original rei e o pioneiro do “elástico” ou flip-flop, e usou isso para atormentar e enrolar as defesas de dentro para fora.  A ligação entre a defesa e ataque, Rivelino foi aquele que teve ataques iniciados a partir da frente de sua própria defesa. Ele fazia parte de um dos melhores ataques da história das Copas do Mundo.

Carlos Alberto


Outro nome nesta seleção da equipe que jogou na Copa do Mundo de 1970, Carlos Alberto foi o capitão e um digno líder daquela equipe extremamente talentosa. Alberto conseguiu cimentar seu lugar como um dos maiores defensores de todos os tempos.

Roberto Carlos


Roberto Carlos foi abençoado com um poderoso pé esquerdo, com o qual ele deixaria voar mísseis como tiros que enganariam os goleiros pelo planeta inteiro. Sua habilidade de lidar proficiente e cruzamentos precisos fizeram dele um membro integral do time da Copa do Mundo de 2002 para o Brasil, que emergiram campeões.

Ronaldo Nazário de Lima


Ronaldo foi principal razão para as pessoas que começaram a assistir futebol no final dos anos 90 apoiar o Brasil. O real proponente do futebol Samba na era moderna, Ronaldo foi um dos mais letais finalizadores que o mundo já viu. Ele foi a idéia de Deus de um atacante perfeito.

O “fenômeno” tinha tudo, seja ritmo, poder, capacidade, e habilidade de finalização letal com ambos os pés. A Copa do Mundo de 2002 foi a Copa do Mundo de Ronaldo, em suma. Ele venceu a Chuteira de Ouro na rota para guiar o Brasil ao seu quinto título da Copa do Mundo, e marcou ambos os gols na final contra a Alemanha.

Zico


Um da equipe dos sonhos de 1982 desta vez, Zico aparece na seleção por causa de sua visão incomparável e capacidade de passe no campo. Apesar de ser parte dos 3 esquadrões da Copa do Mundo, Zico não conseguiu levantar o troféu cobiçado, e é considerado um dos maiores jogadores, que não consegui vencer a Copa do Mundo. Ele é um dos maiores meias-atacantes da história.

Sócrates


O médico que se tornou um ícone para uma geração inteira, Sócrates se destaca por sua capacidade de liderança junto com sua habilidade. Facilmente reconhecível no campo de futebol, graças ao seu enorme bigode, Sócrates ganhou o apelido de “Doutor” graças ao seu diploma em medicina e sua preocupação pelo povo de seu país. Ele foi o ponto de partida do quadrúpede mortal de meio-campo de Zico, Sócrates, Falcão, e Eder, que enlouqueceu entre as defesas da oposição.

Garrincha


Quando Pelé e Garrincha jogavam juntos, o Brasil nunca perdeu. Enquanto Pelé ganhou os acólitos por marcar todos os gols, Garrincha era o principal provedor, rasgando as defesas. Tal era seu talento que as equipes de oposição, por vezes, elas implementariam 3 marcadores especificamente para Garrincha, mas ele ainda encontraria uma maneira de passá-los. Nascido com uma deformidade física, Garrincha foi rejeitado por uma série de clubes principais do Brasil, antes que o Botafogo o oferecesse uma oportunidade. Ele também aparece entre os maiores meio campistas da história do futebol.

Pelé


Facilmente o rosto mais reconhecível entre todos os futebolistas brasileiros, Pelé foi um ícone para o futebol brasileiro desde 1958, quando ele fez sua marca no cenário internacional. Apesar de ser um jogador de futebol, ele foi escolhido como o atleta do século pelo Comitê Olímpico Internacional, um tributo permanente para seu legado.

Considerando todos os jogos, incluindo jogos de tour e amistosos não oficiais, ele marcou 1281 gols em 1363 jogos, um recorde mundial novamente. Usando sua proficiência em ginga, Pelé rapidamente se estabeleceu como um marcador mortal na frente do gol. Pelé desempenhou um papel crucial em 3 das 5 conquistas de Copa do Mundo do Brasil, em 1958, 1962 e 1970. Digno do titulo de estar entre os melhores jogadores do futebol mundial.

Todo o conteúdo do blog está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Top 10 Mais!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: